Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

sicblogue

As primeiras imagens de "Três Irmãs"

O SIC blog está em condições de afirmar que as primeiras imagens que se vão ver a partir de segunda-feira às 18h na SIC da nova novela “Três Irmãs” foram filmadas em Bali, na Indonésia, dando a conhecer as águas paradisíacas desta zona passando depois a vista pelo mercado da cidade de Bali até chegar ao aeroporto da cidade. Posteriormente poder-se-á ver novamente o mercado de Bali e aí começa a história inicialmente em inglês (com a respectiva tradução)… Depois é só acompanhar a história desta comédia romântica

Gato Fedorento regressa hoje

Quem pensava que os Gato Fedorento só regressavam à SIC lá para Setembro/Outubro enganou-se redondamente. A SIC transmite hoje, a seguir à Grande Reportagem SIC, um programa sobre os Gato Fedorento. É um best off dos melhores momentos do programa transmitido no passado dia 31 de Dezembro de 2008 (ou será 2009???) intitulado Gato Fedorento Deseja um bom 2010 a você! A não perder!

Sócrates na SIC amanhã às 20h50

A primeira entrevista do ano dada por José Sócrates pode ser vista esta segunda-feira na SIC. O primeiro-ministro tem como interlocutores os jornalistas Ricardo Costa e José Gomes Ferreira.
Durante uma hora, as perguntas incidirão sobre os grandes temas da actualidade, como a Educação, Saúde, Economia, e a política em geral.
A emissão em directo arranca pelas 20.50 horas, após o “Jornal da noite”.
fonte: JN

"Novo" programa estreia amanhã às 10.00

Programa “Fátima”, da SIC, inaugura esta segunda-feira um novo cenário. As alterações no formato da Comunicasom incluem inclusive nova roupagem sonora.
Cores mais vivas e maiores pontos de luz são algumas das diferenças que se farão notar. Para sentar a apresentadora, Fátima Lopes, arranjou-se agora uma elegante cadeira branca.
A mudanças inscrevem-se nesta nova fase da SIC, marcada pelo arranque do programa “Nós por cá” no horário que antecede o noticiário principal.
fonte: JN

Conceição Lino "sempre em competição

Conceição Lino fez ontem uma verdadeira ‘campanha eleitoral’ no Mercado de Benfica, para apresentar a nova versão de ‘Nós Por Cá’. A rubrica semanal do ‘Jornal da Noite’ (SIC) passa, já a partir de amanhã, dia 5, a programa independente, exibido às 19h00 de segunda a sexta. "Vai ser um programa sempre em directo, que percorrerá todo o País e terá convidados em estúdio, uma crónica de Mário Crespo, a presença regular de Augusto Madureira, reportagens e directos com jornalistas da redacção da SIC", revela Conceição Lino.
Sobre o horário de ‘Nós Por Cá’, que concorre com ‘O Preço Certo’ (RTP 1) e ‘Morangos Com Açúcar’ (TVI), Conceição Lino sublinha: "Estou sempre em competição, esteja lá onde estiver. A nossa preocupação foi fazer um programa de informação que não fosse um noticiário".
Luís Marques, director-geral da SIC, que acompanhou esta apresentação com toda a equipa do programa, frisa: "Isto é uma viragem no sentido de sermos diferentes. Não copiamos formato e modelos dos nossos concorrentes. Temos uma marca própria que está no ADN da SIC: a informação".
Conceição Lino conclui: "Quisemos, nesta apresentação, passar a ideia ‘Votamos em Si’. E nada melhor do que fazer esta ‘campanha eleitoral’, a primeira do ano, estando mais perto das pessoas".
fonte & foto: CM

Conceição Lino em campanha pelo "Nós por Cá"

A 'pivot' de Carnaxide vai apresentar um programa que se quer que seja "um espaço de cidadania", antes do 'Jornal da Noite', competindo com 'O Preço Certo' (RTP1) e 'Morangos' (TVI). Mas isso não a assusta, pois acredita no trabalho da sua equipa, constituída por jornalistas experientes
"Votamos em si, minha senhora! Venha cá, venha cá... Como se chama?", grita a voz firme de Conceição Lino, chamando a atenção de uma multidão de "formigas carregadoras" que circulava, ontem, sábado, pelas 11.00, no Mercado de Benfica, em Lisboa, e que o DN acompanhou. Sentindo os braços que carregavam o fruto de uma manhã de colecta no mercado lisboeta presos pela pivot da SIC, Ana Sousa Silva, 64 anos, residente na Venda Nova, balbucia timidamente um aviso: "Olhe que não quero aparecer na televisão. Só lhe quero dar um beijinho, pois gosto tanto de si..." Ao que a jornalista, frenética, acompanhada pela sua equipa e uma câmara, cheia de bandeirinhas com o logótipo da SIC, bonés, sacos de plástico (só faltaram mesmo as canetas e os porta-chaves) - como uma verdadeira candidata que faz campanha eleitoral pela sua causa, o novo programa Nós por Cá -, responde: "Não tenha medo, estou aqui para lhe dizer que vou estar de segunda a sexta-feira, às 19.00, na SIC, por si..." A mensagem foi repetida vezes sem conta por Conceição Lino, directa a todos aqueles que por ela passavam. "Não se esqueça, segunda-feira às sete!", anunciava. Palavras ouvidas junto de uma das muitas bancas de fruta por Carlinda, mulher de meia-idade, que solta um suspiro: "Vamos lá ver se tem sorte neste [programa]. Já gostava de a ver a mostrar os postes eléctricos no meio da estrada, os buracos nas ruas ou os sinais em sítios errados", diz.
Entretanto, ali perto, um grupo de crianças, entre os seis e os 12 anos, devidamente munidas de chapéus e bandeiras, toma forma de claque da jornalista, e acompanha-a ao longo do restante passeio pelo mercado. O barulho provocado pelas suas palavras de ordem, "Conceição, Conceição, Conceição...", fizeram aumentar a curiosidade de quem passava. A animação toma tamanha proporção que Luís Marques, director-geral da SIC, entre risos, reage: "A Conceição é assim genuína, ela gosta mesmo de falar com as pessoas, de estar próximo delas." Uma frase que sintetiza o espírito do programa que passa de rubrica semanal a programa diário, das 19.00 às 20.00, de segunda a sexta-feira.
Ao DN, Alcides Vieira, director de Informação da estação, explica: "Este é um espaço da cidadania, onde as pessoas se irão sentir representadas." É também "onde queremos dar relevo a pessoas e a pequenas situações que são representativas da sociedade portuguesa", reforça.
Conceição Lino, que rejeita, qualquer semelhança com a Praça Pública de há 15 anos ou medo da concorrência, defende o desejo de chegar ao maior número de pessoas contando, para tal, com "uma equipa de jornalistas muito experientes".
fonte: DN