Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

sicblogue

Vídeos do "TV Turbo" da SIC Notícias no Meo

O Meo lançou recentemente uma nova área nos conteúdos gratuitos do videoclube virtual, constituída por segmentos do programa ‘TV Turbo’, da SIC Notícias.
Estes vídeos contêm ensaios de todas as marcas de automóveis e fornecem informações sobre segurança e impacte ambiental. 'Este é um exemplo de outros projectos que se irão seguir tendo em conta a lógica de fornecer conteúdos on-demand, neste caso gratuitos, permitindo às pessoas verem o que querem e quando querem, ao contrário da versão difundida por televisão', explica fonte oficial da PT.
Dentro da secção há uma área exclusiva da marca que patrocina o projecto, com informação sobre todos os seus modelos. 'Esta marca está a ser pioneira, mas trata-se de uma oferta muito segura com um target imenso', acrescenta a mesma fonte.
ARQUIVO: FACILITA PROCURA
A secção ‘TV Turbo’ dispõe já de um arquivo com cerca de 50 vídeos, que todas as semanas será actualizado com mais conteúdos, até um máximo de 400.
fonte: site CM

Cláudia Vieira > "Gosto da dinâmica do programa"

Cláudia Vieira, actualmente de férias na Tailândia, vai, em breve, apresentar a nova edição de ‘Ídolos’, com João Manzarra, na rentrée da SIC. É a estreia triunfal, aos 30 anos, da actriz e ex-‘moranguita’ na apresentação.
'Não sou uma espectadora assídua de ‘Ídolos’, mas sou bastante atenta ao desenrolar do programa. Gosto da dinâmica do programa, porque conjuga o lado humano com o talento e os sonhos de cada um dos concorrentes', diz Cláudia Vieira sobre o programa que se prepara para apresentar após o Verão.
'Será uma estreia para mim em todos os sentidos, como tal, e visto o João [Manzarra] já ter experiência na apresentação, será um grande apoio para este novo desafio. Acho o João muito divertido, animado e um excelente apresentador', revela.
Nascida em Lisboa a 20 de Junho de 1979, Cláudia Vieira iniciou a sua carreira como modelo e actriz. Em Junho de 2008, assinou com a SIC um contrato de exclusividade de três anos. O seu último papel na representação foi o da skysurfer Vitória, protagonista da novela ‘Podia Acabar o Mundo’ (SIC, 2008). Integrou ainda o elenco da série ‘A Vida Privada de Salazar’, no mesmo canal. Participou nas novelas ‘Ilha dos Amores’ (TVI, 2007) e ‘Fala-me de Amor’ (TVI, 2006), ‘Morangos com Açúcar’ (TVI 2004/2005) e, ainda, em ‘Maré Alta’ (SIC, 2004) e no programa ‘Canta Por Mim’ (TVI, 2006). No cinema, entrou em ‘Second Life’ e ‘Contrato’, ambos em 2009. Em ‘Morangos’, a jovem conheceu o namorado, o actor Pedro Teixeira. Cláudia estreou-se no teatro em Março deste ano, com a peça ‘Saia Curta e Consequências’. Capa de revistas como ‘FHM’ e ‘GQ’, Cláudia foi eleita ‘Mulher Triumph 2007’, tendo representado essa marca de lingerie em Portugal.
João Manzarra, ao contrário de Cláudia Vieira, já tem experiência como apresentador em ‘Curto-Circuito’ e ‘Todos Gostam do Verão’, este último, ao lado de Carolina Patrocínio, aos domingos à noite na SIC. Os primeiros castings para concorrentes à terceira edição de ‘Ídolos’, produzida pela Freemantle, realizam-se dia 21, no Centro de Congressos da Alfândega do Porto.

PRIMEIRAS EDIÇÕES: OS VENCEDORES NUNO NORTE E SÉRGIO LUCAS
O programa de talentos musicais ‘Ídolos’ estreou em Portugal, na SIC, em 2003, baseado no programa britânico ‘Pop Idol’. O vencedor foi Nuno Norte que integrou a Filarmónica Gil. No ano seguinte, realizou-se a segunda edição de ‘Ídolos’, ganha por Sérgio Lucas, que, depois, transitou para cantor residente do programa de Fátima Lopes, ‘Fátima’, na SIC.
Mas o rosto que mais fama conquistou após ‘Ídolos’ foi o de Luciana Abreu, em 2005, que viria a protagonizar ‘Floribella’ (SIC, 2007). As duas primeiras edições de ‘Ídolos’ foram apresentadas por Sílvia Alberto e Pedro Granger. Compunham o júri Sofia Morais, Manuel Moura dos Santos, Luís Jardim e Ramón Galarza. O formato original norte-americano, ‘American Idol’, criado por Simon Fuller, empresário das Spice Girls, estreou em 2002 no canal Fox.
fonte: site CM

Ricardo Pereira gravou no Marquês

Ricardo Pereira surpreendeu ontem quem passava pelo Marquês de Pombal, em Lisboa. O actor, que protagoniza ‘Pedro Cardoso’ na nova novela da SIC, ‘Eterno Amor’, mostrou as suas habilidades de motociclista em cima de uma antiga Vespa.
Um amor impossível. É esta a história que vai preencher o serão dos telespectadores da SIC a partir de Outubro. Ricardo Pereira, na pele de ‘Pedro’, e Sandra Barata Belo, como ‘Leonor’ vão ser um verdadeiro par ‘Romeu e Julieta’ à portuguesa.
‘Leonor’ é descendente de uma família rica. ‘Pedro’ é um rapaz humilde. Conhecem-se no último ano do curso de Arquitectura e apaixonam-se profundamente, contra a vontade do pai, ‘Tomás’.
Como já não bastassem as suas origens humildes, ‘Pedro’ descobre ainda que o ‘futuro sogro’ abusou sexualmente da empregada, que é sua prima, e decide enfrentar o ‘ricaço’. Irritado, ‘Tomás’ trata de encomendar o atropelamento do rapaz, que passa cinco anos em coma. A ‘Leonor’, que fica grávida, é dito que o namorado morreu. Não descansado, ‘Tomás’ decide também fazer desaparecer o neto. ‘Leonor’ vive dias de angústia e depressão, até que, cinco anos depois, já casada com um homem que o pai lhe escolheu, reencontra ‘Pedro, que julgava morto. O drama e a luta por um amor quase impossível acabam por voltar ao início.
fonte: site CM