Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

sicblogue

Análise das audiências d' "A Favorita"

Chegou ao fim A Favorita, a novela que a SIC mantinha em exibição desde 2 de Julho de 2008. A história gira em torno de Flora e Donatella que em tempos formaram uma dupla musical. Flora acaba condenada a 18 anos de prisão pelo assassinato do marido de Donatella. Depois de sair da prisão, Flora está decidida a provar a sua inocência do crime que não cometeu...
Os 200 capítulos desta novela alcançaram de audiência média 5.7% (537.100 espectadores) e 25.2% de share. O melhor episódio foi transmitido a 3 de Fevereiro, quando a novela registou 9.2 de audiência média e 27.1% de share. Na estreia, a 2 de Julho, a novela obteve 7.7% de audiência média (727.400 espectadores) e 19.8% de share. A Favorita despediu-se no dia 20 de Fevereiro com 8% de audiência média (755.600 espectadores) e 37.3% de share.
Os 200 capítulos foram vistos por 8.673.400 indivíduos residentes em Portugal Continental com 4 anos e mais anos, o que representa 91.7% do universo.
No perfil de audiência, esta novela registou melhor adesão no Interior do país. Por classe social, dominam as classes mais baixas. A Classe C2 e D, juntas, representam mais de 62% da audiência desta novela. Por género, A Favorita foi a preferida da população Feminina. Por faixa etária, os indivíduos com mais de 64 anos foram os que mais viram a novela com um consumo de audiência acima dos 22%.
fonte: Marktest

Caminho das Índias: a mais recente produção da Globo

A SIC estreia hoje à noite a mais recente produção da TV Globo, 'Caminho das Índias', que no Brasil conseguiu melhores audiências do que 'A Favorita'. A telenovela chega a Portugal numa altura em que a cultura indiana surge em diversas manifestações artísticas - filmes, livros, exposições
Filmes, livros, telenovelas, exposições de arte. Coincidência ou talvez não, a cultura indiana parece estar a cativar atenções um pouco por todo o mundo e em diversas áreas.(...) E hoje chega à SIC a mais recente produção da TV Globo, Caminho das Índias, que vive em grande parte do misticismo e dos contrastes da sociedade indiana em relação à ocidental. A telenovela tem a assinatura da consagrada Glória Perez, bem conhecida em Portugal pelo seu trabalho em O Clone, telenovela em que retratava o ambiente árabe. Caminho das Índias já estreou no Brasil, a 19 de Janeiro, e conseguiu melhores audiências do que A Favorita, que ainda está a passar em Portugal, na SIC. A história gira em torno da paixão proibida entre Maya (Juliana Paes) e Bahuan (Márcio Garcia). Para além de os dois jovens pertencerem a diferentes castas, o noivo de Maya já está escolhido pelos seus pais. Resta saber como vai ser recebida pelos portugueses esta produção da TV Globo, que chega a Portugal num momento em que acabou de estrear Quem Quer Ser Bilionário, filme que na primeira semana foi visto por quase 39 mil cinéfilos, apesar de estar em exibição em apenas 27 salas. O recente êxito deste filme, que já conquistou vários prémios e poderá ser um dos grandes vencedores dos Óscares deste ano, tornou ainda mais evidente a curiosidade que a cultura indiana está a despertar. Mas será apenas uma questão de moda? Há quem defenda que é mais uma oportunidade de negócio. Sobretudo no campo cinematográfico. E não é para menos. A acreditar nos números avançados em 2007 pela consultora PricewaterhouseCoopers, Bollywood, a grande "fábrica" cinematográfica indiana, tem uma audiência mundial estimada em 3,6 mil milhões de pessoas e é responsável por receitas de bilheteiras superiores a 1,7 mil milhões de euros anuais. E apenas 8% dessa verba vai para as produções norte-americanas. Face a este potencial de mercado, e ainda por cima em tempo de crise, é fácil perceber que as grandes produtoras de Hollywood estejam a preparar alianças com as produtoras locais.
fonte: DN

"Caminho das Índias" substitui "A Favorita"

'Caminho das Índias' vai substituir 'A Favorita', mas as duas telenovelas podem passar uma a seguir à outra durante algum tempo em Portugal. A maioria das filmagens decorreu no Brasil, mas o início das gravações foi mesmo na Índia, em Jaipur, Agra e Varanasi, com o Ganges como pano de fundo Caminho das Índias está a caminho... da SIC. Este mês, o canal de Carnaxide vai estrear a nova telenovela da TV Globo, que substitui A Favorita, no horário das 23.30. Contudo, as duas produções brasileiras deverão ser emitidas em Portugal uma a seguir à outra durante algum tempo. Nuno Santos, director de programas, ainda não decidiu. Caso não sejam encomendados mais episódios do que está previsto, a telenovela deverá terminar em Outubro no nosso País, um mês depois de acabar no Brasil. E do outro lado do Atlântico, onde Caminho das Índias passa às 21.00, o primeiro episódio registou boas audiências, mais quatro pontos, comparando com o início de A Favorita. Ainda assim, nos dias seguintes, o número de espectadores baixou. E que tem esta telenovela que possa cativar os portugueses? Além da qualidade técnica a que a TV Globo nos habituou, as imagens de uma Índia longínqua, onde Portugal já teve colónias, pode ser motivo de interesse. (...) A nova telenovela da Globo tem quatro palavras-chave que a definem: amor, razão, sanidade e loucura. A estes ingredientes junta-se o óbvio, o contraste entre o Ocidente e o Oriente, sendo que para os portugueses se trata de dois países exóticos (Brasil e Índia), que, curiosamente, fazem parte do imaginário de um império perdido nos séculos XIX e XX.O enredo de Caminho das Índias centra-se na paixão proibida entre dois indianos de origens distintas. Maya Meetha (Juliana Paes) é alegre, inteligente, trabalha numa central de telemarketing e pertence a uma família tradicional da casta dos comerciantes. Enquanto Bahuan (Márcio Garcia) está a estudar nos Estados Unidos, é funcionário de uma empresa norte-americana, mas nunca esqueceu as humilhações que sofreu na infância por ser um Intocável, alguém considerado impuro e não poder sequer tocar numa pessoa com casta. Os dois conhecem-se, mas ela não sabe que ele é Intocável. E se na lei, tais definições foram banidas, nos costumes ainda não...No elenco, para além de Juliana Paes, encontram-se actores bem conhecidos dos portugueses como Tony Ramos, Lima Duarte, Márcio Garcia, Alexandre Borges ou Débora Bloch. E a autora é a reconhecida Glória Perez que em O Clone retratou o clima árabe e agora revela o ambiente místico da Índia.
fonte: DN

A Favorita com novo horário

A novela brasileira de maior sucesso nos últimos tempo aproxima-se do seu epílogo e com isto vai passar a dar no horário de "Podia Acabar o Mundo". Sendo assim, já a partir de amanhã, poderá assistir aos últimos episódios desta novela a partir das 22h35 na SIC.
"Podia Acabar o Mundo" passará a ser emitida no horário que era da "Favorita", ou seja, a partir das 23h30.

Grelha de Programas de hoje (feriado)

E porque amanhã é feriado a programação da SIC sofre algumas alterações. Ora vejamos:
-não haverá "Edição da Manhã"
-SIC Kids começa às 6h50
-Dois filmes: Bratz e e Heffalump (8h40 e 9h55 respectivamente)
-"Fátima" começa às 11h15
-A seguir ao "Primeiro Jornal" há filmes até ao "Jornal da Noite"
-Não há "Contacto", "Rebelde Way", "O Cravo e a Rosa", "Beleza Pura" e "Roda da Sorte"
-A seguir ao "Jornal da Noite" há "Não há Crise"
-Depois novelas "Podia Acabar o Mundo" e "A Favorita"

Grelha da SIC de amanhã (1. Dezembro)

E porque amanhã é feriado a programação da SIC sofre algumas alterações. Ora vejamos:
-não haverá "Edição da Manhã"
-SIC Kids começa às 6h30
-Dois filmes: Bratz e Toy Story (8h20 e 9h35 respectivamente)
-"Fátima" começa às 11h15
-A seguir ao "Primeiro Jornal" há filmes até ao "Jornal da Noite"
-Não há "Contacto", "Rebelde Way", "O Cravo e a Rosa", "Beleza Pura" e "Roda da Sorte"
-A seguir ao "Jornal da Noite" há "Não há Crise"
-Depois novelas "Podia Acabar o Mundo" e "A Favorita"