Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

sicblogue

Amigas tornam-se inimigas em Viver a Vida

Até que ponto estamos dispostos a lutar pela vida? Quanto vale a nossa vida? Foi à procura destas respostas que o argumentista e autor de novelas Manoel Carlos fez nascer Viver a Vida, a nova novela que a SIC estreia hoje às 22.10.
Conhecido por escrever histórias de grande emoção e humanismo, Manoel Carlos, autor de outros sucessos como Laços de Família ou Mulheres Apaixonadas, traz, desta vez, para o ecrã testemunhos de vida que falam de amor, dor, morte e, acima de tudo, da superação de limites tidos como intransponíveis, invencíveis.
A apimentar o argumento, o autor, de 76 anos, conta a história de duas manequins que vão viver em permanente "guerra".
Helena, papel entregue à actriz Taís Araújo, e Luciana, personagem vivida por Aline Moraes, vão passar a vida em desacordo e a discutir. Tudo porque Helena, para além de ser a principal inimiga de Luciana nas passerelles, vai apaixonar-se pelo pai de Luciana (José Mayer).
"No início vai haver, sim, uma disputa entre elas, mas depois a Helena passa a amar aquela miúda porque ela é filha do homem que ela tanto ama. Ela vai conhecer o universo da Luciana e aí vai perceber por que razão ela é daquele jeito. O amor do Marcos faz ela ter muita paciência", revelou ao DN a protagonista da novela Taís Araújo durante a festa de lançamento de Viver a Vida que aconteceu, recentemente, no Forte de Copacabana, no Rio de Janeiro, Brasil.
"Ela é a filha mais velha, a mais querida e quer ser a única para o pai. Não quer ter substituta, não quer perder a atenção. Ela é uma concorrente com quem ela não vai com a cara. A Luciana fica muito triste quando vê o pai separar-se da mãe, poderia ser qualquer mulher mas não a Helena", descreveu a actriz Aline Moraes que na trama encarna uma manequim ainda em início de carreira e que, fruto de um acidente de carro, vai ficar tetraplégica.
Histórias de amor, relatos de quem sofre de anorexia alcoólica, testemunhos de quem fica frente a frente com a morte. Estes são apenas alguns dos pontos da história escolhidos por Manoel Carlos e que levam o realizador responsável, Jayme Monjardim, a acreditar no sucesso da novela cujas gravações decorreram na Jordânia, em Petra, França, Paris, e no Brasil, em Búzios. "As minhas expectativas são as melhores possíveis. Acho que temos um país carente de emoções. E julgo que nós brasileiros e os portugueses somos muito parecidos. Muito próximos. Acho que a novela tem muita emoção. O Maneco trata o dia-a-dia de uma forma muito contagiante", disse.
Actrizes e actores de renome no Brasil como Lília Cabral, José Mayer, Thiago Lacerda, Giovanna Antonellie são outros dos nomes que completam o elenco da nova aposta de Nuno Santos, director de programas da SIC.
fonte: site DN

"Viver a Vida" a 21 de Setembro na SIC

Mais uma novela de Manoel Carlos, autor dos grandes sucessos como: Páginas da Vida ( a novela mais recente do autor), Mulheres Apaixonadas e Laços de Família, vai estrear dia 21 de Setembro na SIC em simultâneo com a Globo, pelas 21horas. Uma grande surpresa, para quem gosta de ver as novelas do autor.Pela primeira vez, a musa de Manoel Carlos será Taís Araujo que será a primeira Helena negra do horário nobre, fazendo par romântico com Thiago Lacerda e José Mayer.No papel de vilã, coube à belissima Giovana Antonelli. Espera-se mais uma novela com temas polémicos, com histórias veridicas.
fonte: blog Fama Show